domingo, 3 de julho de 2011

A história é simples de contar



Em Milhotães, num qualquer dia de Setembro de 2009 era dia de festa. 

Tinha-se gasto um milhão de euros mas estava-se a inaugurar a nova escola para receber os alunos do 1º ciclo de escolaridade. Essa pequena povoação do concelho de Barcelos necessitava de uma escola. Estávamos em período eleitoral para as legislativas, mas foi apenas uma feliz coincidência. Quem diz que se gasta muito dinheiro em obras, para ganhar votos, é só por má-língua.

Para grande admiração do pagode, sabe-se hoje que no plano de reorganização do parque escolar proposto pela Ministra de Educação e aprovado pelo anterior executivo do Partido Socialista, esta escola deveria fechar no final deste ano lectivo. Apenas 2 anos após ter sido gasto 1 MILHÃO de EUROS!

Mas o que mais me choca é que em declarações à Lusa a vereadora da Educação da Câmara de Barcelos afirme que a construção daquela escola foi um erro face ao decréscimo da natalidade.

Autarquias e Administração Central gastam muito dinheiro em obras e outras "coisas" sem que antecipadamente se pondere a relação custo/benefício. E isso só acontece porque ninguém responde pelas calhordices que faz quando é um executivo político.

Enquanto assim for, poderemos até sair desta crise, mas seguramente iremos ter muitas mais.

Sem comentários:

Enviar um comentário